facebook
.
24 Horas.US
Notícias do Brasil e do Mundo.

Doze imigrantes são resgatados pela polícia na praia de Palm Beach: o barco deles naufragou!

PALM BEACH, FL – Um relatório da polícia divulgado na segunda-feira (05) forneceu mais detalhes sobre as 12 pessoas entregues à Patrulha da Fronteira dos Estados Unidos depois que foram encontrados caminhando molhadas nas areias no extremo sul da ilha, algumas incapazes de falar inglês.

De acordo com o relatório, por volta de 7h da manhã de sábado (03), a polícia recebeu uma ligação sobre um barco que havia naufragado atrás do condomínio Halcyon no 3440 S. Ocean Blvd. A polícia disse que encontraram duas malas de viagem dentro do barco e 14 coletes salva-vidas e uma mochila na praia perto do barco.

Logo depois a polícia encontrou quatro mulheres e três homens, todos molhados e cobertos de areia, caminhando para o sul. Um homem, Peng Jin, 38 anos, e uma mulher, Hong Yang, 46, tinham passaportes, mas a polícia não conseguiu identificar os outros porque eles não falavam inglês. A polícia informou que as sete pessoas  foram entregues à Patrulha da Fronteira dos EUA.

A polícia voltou e procurou a área da praia entre 3440 e 3300 S. Ocean Blvd., onde encontraram nos arbustos molhados, roupas cheias de areia que tinham doces com letras chinesas nos bolsos.

Coletes salva-vidas encontrado na praia. (Reprodução)

Ainda segundo o relatório, por volta das 10 horas da noite, a polícia recebeu uma chamada sobre dois homens molhados caminhando para o norte na mesma área. Eles não tinham documento e disseram que seus nomes eram Cotto Ekron Smith, 31 e William Green, 40. Ambos relataram que sentiram náuseas e foram avaliados por médicos, disse a polícia que os encaminhou também aos cuidados da Border Patrol.

Às 5:31 p.m., a polícia disse que encontrou três mulheres asiáticas caminhando para o norte na mesma vizinhança. Através de um aplicativo de intérprete, uma das mulheres, Feng Guohua, 44, disse à polícia que pagou uma empresa aproximadamente US $ 30 mil para chegar aos Estados Unidos e veio das Bahamas de barco.

Guohua disse que conheceu as outras duas mulheres, Yufeng Shad, 62 e Zhang Feng, 47 anos, na China e viajaram para os Estados Unidos pela mesma empresa.

Shad disse que veio para pegar as outras duas mulheres através de Uber e planejava levá-las para uma sala de massagem asiática em Miami, de acordo com o relatório. Todos os três foram detidos pela Patrulha da Fronteira, informou a polícia.

Por conta da visita de fim de semana do presidente Donald Trump à residência oficial de Mar-a-Lago, a Guarda Costeira teve restrições de seguranças impostas e quem fez o resgate das pessoas foi a polícia de Palm Beach. Mar-a-Lago fica cerca de apenas 4 milhas ao norte da área onde as pessoas foram encontradas.

O barco já não está na praia. Os funcionários da Patrulha da Fronteira não responderam aos pedidos de informações

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.